SciELO Livros

Editora FIOCRUZ

 

A democracia inconclusa: um estudo da reforma sanitária brasileira

Synopsis

Trata do papel dos movimentos sociais em saúde no processo de reformulação da política de saúde, plasmado na Constituição de 1988 e denominado de Reforma Sanitária brasileira. Os percalços da sua implementação são analisados no contexto do processo de democratização do País ocorrido nos últimos 10 anos. A autora contribui para a interpretação da problemática da saúde no Brasil contemporâneo, sem a qual não se pode falar em democracia e cidadania. Através da leitura deste trabalho, os cientistas políticos e os profissionais de saúde poderão refletir acerca do lugar que ocupam no sistema e nos serviços de saúde, bem como das articulações de suas representações com a política de saúde.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales Preview PDF
Prefácio Preview PDF
Apresentação Preview PDF
1. A Construção da Democracia: algumas questões históricas e teóricas Preview PDF
2. O Processo de Reformulação do Setor Saúde: os atores, as estratégias e o papel dos organismos estatais Preview PDF
3. Os Movimentos Sociais em Saúde: questões teórico-metodológicas para sua abordagem Preview PDF
4. O Movimento Popular em Saúde Preview PDF
5. O Movimento Médico: composição e trajetória Preview PDF
6. O Processo de Implementação da Reforma Sanitária Preview PDF
7. A Descentralização do Sistema de Saúde Preview PDF
8. Os Conselhos de Saúde Preview PDF
Conclusão Preview PDF
Referências bibliográficas Preview PDF
Creative Commons License All the contents of this work, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution-Non Commercial-ShareAlike 3.0 Unported.