SciELO Livros

Editora UFMG

 

Étienne Decroux e a artesania de ator: caminhadas para a soberania

Synopsis

Pela primeira vez um livro apresenta, em língua portuguesa, um conjunto de reflexões em torno da obra singular do artista francês Etienne Decroux (1898-1991), aliado, de modo instigante, ao pensamento filolosófico de Georges Bataille em sua noção de arte soberana e à pesquisa prática cênica da autora. Decroux, ator-artesão, conviveu e atuou ao lado de importantes nomes do teatro e cinema, como Copeau, Dullin, Jouvet, Baty, Artaud, Barrault, Herrand e Carné. Seu grande valor artístico está na criação da Mímica Corporal Dramática mais do que uma técnica, uma arte inovadora que reflete a visão de Decroux sobre o teatro como arte de ator. Trata-se de um livro bem documentado, rigoroso e original em sua essência, escrito com competência e humor, sempre pautado pelo teatro contemporâneo, em contínua construção.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales
Prefácio
Apresentação: aquecendo o coração
Primeira caminhada: fontes para uma arte soberana
Segunda caminhada: traços e rastros de uma escritura de ator
Um desvio: para entregar-se ao acontecer das ações
Terceira caminhada: Uma geografia poética para o ator
Outro desvio: para tocar na formosidade do borroso
Quarta caminhada: palavras para atores malditos
Paragem
Notas
Referências bibliográficas