SciELO Livros

Editora UFMG

 

Política externa na Nova República: os primeiros 30 anos

Synopsis

Este livro é fruto de um investimento sistemático, feito no curso dos últimos seis anos, em uma agenda de pesquisa sobre política externa brasileira na Nova República. Os capítulos estão dispostos em três partes: na primeira, resgatam-se prefigurações sociais e condicionamentos históricos da redemocratização brasileira, do que resultou uma nova política externa, talhada, bem ou mal, para o contexto democrático; na segunda, monitoram-se variáveis de política exterior durante os processos eleitorais da Nova República, bem como a saliência assumida por partidos políticos na confecção dessa política; e, na terceira, abordam-se as inovações institucionais e normativas da diplomacia pátria, da transição de regime político, oficialmente processada em 1985, até os dias correntes. “O livro do professor Belém Lopes coloca-se como um importante trabalho de referência, uma vez que abre a porta para entender como o nacional e o internacional têm interagido para mudar o quadro da política externa brasileira, bem como prepara o terreno para uma séria reconsideração das práticas de produção de políticas e das estruturas institucionais capitaneadas pelo Itamaraty.” (Sean W. Burges)

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales
Prefácio
Apresentação
Introdução – Política externa e regime político no Brasil
Parte 1 – Transições dentro da transição
Capítulo 1 – A redemocratização da política externa brasileira
Capítulo 2 – A constitucionalização da política externa brasileira e suas circunstâncias
Parte 2 – Política externa, partidos políticos e processos eleitorais
Capítulo 3 – A partidarização da política externa e seus protagonistas
Capítulo 4 – FHC e Lula
Capítulo 5 – A conexão pública da política externa e as eleições presidenciais brasileiras
Parte 3 – Novas e velhas práticas diplomáticas
Capítulo 6 – Ascensão e declínio do formalismo diplomático no Brasil
Capítulo 7 – Política social como política externa?
Capítulo 8 – Armadilhas e contradições na busca brasileira por um lugar ao Sol
Conclusão – O esboço de uma curva normal para a política externa da Nova República
Notas