SciELO Livros

Editus

 

Memes e educação na cibercultura

Synopsis

Memes são artefatos cada vez mais importantes na dinâmica comunicacional da cibercultura. Em seu modo de expressão, permitem diferentes formas de ler e interpretar o mundo a partir da autoria dos usuários em rede. Em sua amplitude na internet, tornam-se uma espécie de “caldeirão” da opinião pública onde múltiplos temas são misturados e ressignificados na medida em que são propagados. Sendo assim, é possível pensar a produção de memes como uma linguagem que democratiza o acesso à informação, por meio da brincadeira on-line, do humor e da comicidade. Embora superficializem muitas questões problematizadas. Por isso, é necessário analisar sua dinâmica comunicacional, já que os memes materializam um fenômeno representativo do nosso modo de ser e estar na cibercultura.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales
Eixo 1: Memes e autoria em rede
1 – Memética e educação: uma conversação infinita
2 – "Tá pensando que brasileiro é bagunça?": como podemos estudar memes no Brasil
3 – Quando a política se torna brincadeira: uma leitura crítica
4 – Educação, comunicação e divulgação científica: "O que significa isso em memes?"
Eixo 2: Experiências formativas com memes
5 – Os memes da pandemia: EaD, educação on-line e os dilemas formativos em tempos de cibercultura
6 – Pedagogias de memes no Instagram
7 – Autorias meméticas em rede
Eixo 3: Práticas pedagógicas com memes
8 – Práticas educativas com memes no ensino de matemática: criações e evidências em sala de aula
9 – Produção de memes: uma experiência de design thinking no ensino superior de design
10 – Inquisição em tempos de anticiência: "o que nos dizem os memes?"
11 – A utilização de memes na aula de História: contributos para a construção de uma estratégia de aprendizagem