Termos de Referência de Adesão à Rede SciELO Livros

Versão de 12/03/2012

 

1. A Rede SciELO Livros, lançada em 30 de março de 2012 em São Paulo, Brasil, tem o objetivo geral de contribuir para o desenvolvimento de infraestruturas e capacidades de edição, publicação, indexação e disseminação de livros acadêmicos em formato digital, editados prioritariamente por instituições acadêmicas, com o objetivo de maximizar a visibilidade, acessibilidade, uso e impacto das pesquisas, ensaios e estudos que publicam.

2. A Rede SciELO Livros interopera e compartilha objetivos, recursos, metodologias e tecnologias com a Rede SciELO de periódicos científicos, de modo a contribuir com o desenvolvimento da comunicação científica.

3. A Rede SciELO Livros será desenvolvida de modo descentralizado nos países que adotam o Programa SciELO de publicação científica, por meio de redes nacionais de editoras que cooperam entre si mediante o desenvolvimento de coleções nacionais que seguem os mesmos objetivos e são operadas seguindo metodologias e tecnologias comuns de seleção, indexação e publicação de livros em formato digital.

4. A gestão, o desenvolvimento, financiamento e a operação das coleções nacionais da Rede SciELO Livros são realizados de modo autônomo sob a coordenação de uma instituição nacional representativa das editoras nacionais. A coordenação nacional representa a coleção nacional e as editoras participantes na Rede SciELO Livros.

5 . A gestão, o desenvolvimento e a operação de cada uma das coleções nacionais da Rede SciELO Livros são desempenhados sob a orientação de um Comitê Gestor e um Comitê Consultivo por país.

6. O Comitê Gestor da coleção nacional é responsável pela aprovação, acompanhamento, avaliação do plano de trabalho, sua gestão financeira, implantação, ajustes e consecução dos resultados almejados.

7. O Comitê Consultivo é responsável pelo desenvolvimento da coleção nacional, que inclui a elaboração, manutenção, atualização e aplicação dos critérios de qualidade para a seleção de editoras e livros da Rede SciELO Livros. Seus membros são cientistas selecionados entre os indicados pelas editoras participantes da rede.

8. Os objetivos específicos das coleções nacionais da Rede SciELO Livros são os seguintes:

a) Indexar, publicar e disseminar, em modalidade de acesso aberto ou comercializado, coleção de livros acadêmicos das editoras que aderem à rede SciELO e selecionados pelo Comitê Científico de acordo com os critérios estabelecidos pela Rede SciELO Livros;

b) Formatar os textos dos livros de acordo com o estado da arte internacionalde livros em formato e suporte digital acessíveis em leitores de e-books, tablets, smartphones, telas de computador e outros meios e dispositivos;

c) Operar o Portal SciELO Livros, que indexa, publica, dissemina e interopera na web a coleção de livros por meio de interfaces e serviços de busca, navegação, venda, distribuição, compartilhamento e download;

d) Interoperar os livros da Rede SciELO Livros e os periódicos da Rede SciELO por meio de serviços comuns, incluindo enlaces por citações e referências bibliográficas, elementos bibliográficos como autoria, instituições, temática;

e) Distribuir e interoperar a coleção de livros por meio de índices, portais e outros serviços de caráter público ou privado de outros operadores, com vistas a maximizar a visibilidade, acessibilidade, uso e impacto da coleção e dos livros individuais;

f) Estabelecer mecanismos e intermediar acordos de comercialização de livros com empresas nacionais e internacionais que indexam, intermedeiam, distribuem e comercializam livros on-line;

g) Medir e publicar o desempenho da coleção e dos livros individuais, autores, instituições e assuntos por meio de: (i) estatísticas atualizadas de acesso e venda; e (ii) estatísticas e indicadores bibliométricos atualizados de citações entre livros e entre livros e periódicos da Rede SciELO. Compartilhar estas estatísticas por meio do Portal SciELO Livros;

h) Contribuir para a qualificação das editoras na gestão e operação de processos de edição, publicação e comercialização de livros em formato digital, de acordo com o estado da arte.

9.  A Rede SciELO Livros é parte integral do Programa SciELO da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), cujo desenvolvimento e implantação inclui a cooperação entre as agências e instituições nacionais de fomento à pesquisa, educação e comunicação científicas, assim como o apoio técnico de agências internacionais de cooperação para o desenvolvimento econômico, social, ambiental, científico, tecnológico e educacional.

10. O desenvolvimento e a operação da coleção SciELO Livros Brasil foram iniciados com um projeto piloto liderado e financiado por um consórcio formado pelas editoras da Fundação Oswaldo Cruz (Editora Fiocruz), da Universidade Federal da Bahia (Edufba) e da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho Unesp com o objetivo de desenvolver as metodologias e tecnologias de gestão e operação em rede de coleções de livros em formato digital.

11. A plataforma metodológica e tecnológica do Projeto SciELO Livros foi desenvolvida com a cooperação técnica da Bireme/Opas/OMS no contexto da Rede da Biblioteca Virtual em Saúde.

A coordenação do desenvolvimento e da operação da coleção SciELO Livros Brasil é realizada com suporte institucional da Fundação de Apoio à Universidade Federal de São Paulo (FapUNIFESP), por meio da equipe do Projeto SciELO que, sob orientação do Comitê Gestor e do Comitê Científico, atua como Secretaria Executiva responsável pela organização, documentação e implantação das recomendações.

12. A Editora Fiocruz, a Edufba e a Editora Unesp são membros permanentes do Comitê Gestor da Coleção SciELO Livros Brasil.

13. A adesão de novas editoras à coleção SciELO Livros Brasil obedece ao seguinte procedimento:

a) Preenchimento do formulário de adesão à Rede SciELO assinado pelo representante legal da Editora;

b) Aprovação pelo Comitê Científico;

c) Pagamento da quota de ingresso definida anualmente pelo Comitê Gestor.

14. A Coleção SciELO Brasil contribuirá com a criação, o desenvolvimento e a operação das coleções nacionais dos demais países no contexto da Rede SciELO Livros. Seguindo a metodologia da Rede SciELO de periódicos as coleções nacionais serão criadas, desenvolvidas e operadas em três etapas: projeto piloto, em desenvolvimento e certificadas quando atenderam aos critérios de operação das coleções nacionais. A Coleção SciELO Brasil cooperará com a Rede SciELO Livros no processo de criação, desenvolvimento e operação.

Os comentários estão fechados.