Your browser doesn't support javascript.

SciELO Livros

SciELO Livros

Home > Pesquisa > (275)
Imprimir Exportar

Formato de exportação:



Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Esta página Sua seleção Todas as referências (max. 300)
|
Resultados 1 - 20 de 275
1.

Medicamentos no Brasil: inovação e acesso

(eISBN:9788575415979)
Organizador(es): Buss, Paulo Marchiori; Carvalho, José da Rocha; Casas, Carmen Phang Romero
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2008
Sinopse: Uma das particularidades da área da saúde é pertencer tanto à esfera social quanto à industrial, característica que representa oportunidades e grandes desafios. O livro Medicamentos no Brasil: inovação e acesso tem o objetivo de fomentar o desenvolvimento tecnológico e fortalecer a produção nacional, além de garantir que o conhecimento desses avanços beneficie a população brasileira. Como afirma o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, no prefácio: “...inovação não pode estar desligada da idéia de acesso”. Reunindo os pontos de vista da academia, governo e setor produtivo público e privado, com abordagens que privilegiam o contexto nacional e refletem sobre a posição brasileira no cenário internacional, a obra apresenta um diagnóstico da área de medicamentos no país, avalia seus problemas e potencialidades e faz recomendações concretas para superação dos obstáculos e aproveitamento das oportunidades. Cabe destacar que é o segundo volume de uma série sobre pesquisa, desenvolvimento e inovação nos segmentos industriais da saúde, do Projeto Inovação em Saúde (presidência/Fiocruz), cujo primeiro livro é Vacinas, Soros e Imunizações no Brasil.
2.

Vidas ao léu: trajetórias de exclusão social

(eISBN:9788575416051)
Autor(es): Escorel, Sarah
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 1999
Sinopse: Obra voltada para aqueles que estão realmente empenhados em solucionar, na teoria e na prática, os problemas da exclusão social institucionalizada. Ao voltar-se para a realidade dos moradores de rua, a autora fala e escuta. Fala quando busca, em alicerces teóricos, as causas e definições para a exclusão social. Escuta quando abre espaço, em seu trabalho, para as declarações daqueles que não 'têm um lugar no mundo'. O resultado é um relato sensível, por vezes impressionante, de um dos fenômenos mais cruéis da atualidade. Torna-se, deste modo, reflexão, avaliação e alerta: até quando seremos cúmplices na fabricação de excluídos da condição de cidadãos?
3.

O dilema preventivista: contribuição para a compreensão e crítica da medicina preventiva

(eISBN:9788575416105)
Autor(es): Arouca, Sergio
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2003
Sinopse: Tese de doutorado de Sergio Arouca, obra de referência nunca antes publicada, na qual, mesclando elementos conceituais do pensamento marxista com a então recente formulação foucaultiana da Arqueologia do saber, faz a crítica aguçada à concepção liberal e individualista que dava sustentação à medicina preventiva brasileira. O autor enfoca as limitações desta e busca abrir espaços para uma nova construção teórica, invocando a abordagem histórica como caminho fundamental e colocando o campo da saúde pública no interior dos conflitos sociais. Não fosse o bastante, é ainda enriquecido com artigos de autores convidados, todos notórios profissionais da saúde, que buscam comentar, discutir e relativizar, no tempo, as questões abordadas em cada capítulo da obra.
4.

A gestão do SUS no âmbito estadual: o caso do Rio de Janeiro

(eISBN:9788575415924)
Organizador(es): Ugá, Maria Alicia D.; Sá, Marilene de Castilho; Martins, Mônica; Braga Neto, Francisco Campos
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2010
Sinopse: Política, planejamento e gestão em saúde: três pilares do SUS em revisão numa obra que traz a contextualização histórica desde os anos 1970, quando surgiu a Associação Brasileira de Pós Graduação em Saúde Coletiva (Abrasco) e grande parte da produção teórica referia-se apenas às políticas de saúde. Já nos anos 1980, o foco direcionou-se especialmente aos estudos sobre planejamento. A década seguinte foi a era da gestão, do estudo de modelos e de programas; e, enfim, no novo milênio, predominaram investigações sobre avaliação de programas e de serviços. Um movimento do geral ao particular, indicativo de dificuldades ideológicas – enfraquecimento da cultura das políticas públicas – e de contrastes entre as políticas e a gestão em saúde, no nascimento da nova política científica brasileira.
5.

Contos de Fatos: histórias de Manguinhos

(eISBN:9788575416143)
Autor(es): Schall, Virgínia
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2001
Sinopse: Resultado de entrevistas com cientistas famosos no campo da saúde pública, particularmente da Fundação Oswaldo Cruz, relata versões de histórias reais, escritas ao sabor da narrativa dos autores-personagens que as viveram ou contaram. Dotada de simplicidade, discrição e humor, a autora nos conduz à verdade sobre a imagem que habitualmente se faz dos cientistas. Ao discorrer sobre as 'faces ocultas' - a da ciência, a do país -, este livro é importante relato histórico que desperta interesse por seu rico e raro conteúdo, muito bem-vindo em um Brasil que se apercebe mais e mais do real valor da ciência.
6.

Mal de Fome e não de raça: gênese, constituição e ação política da educação alimentar. Brasil, 1934-1946

(eISBN:9788575416112)
Autor(es): Lima, Eronides da Silva
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2000
Sinopse: Escrito com base em tese merecedora de prêmio conferido pela Associação de Nutrição do Estado do Rio de Janeiro, este livro contempla novos ângulos de visão e de análise no plano da produção do conhecimento e da prática no campo da alimentação e nutrição, a partir da recuperação de dois importantes períodos no conjunto da literatura especializada. Enfatiza, entre outros aspectos, a delimitação das linhas básicas da Política Alimentar Nacional da época em questão e os reflexos que esta produziu na atualidade. Obra que contém fonte de dados significativos não apenas para aqueles que vivem a perscrutar o sentido e a natureza da educação alimentar como modalidade específica de conhecer e educar, assegurando uma visão disciplinar ampliada para os que militam nas ciências da nutrição e nas políticas subjacentes de alimentação e saúde.
7.

Teoria e prática dos conselhos tutelares e conselhos dos direitos da criança e do adolescente

(eISBN:9788575415962)
Organizador(es): Assis, Marluce Maria Araújo; Silveira, Liane Maria Braga da; Barcinski, Mariana
Autor(es): Santos, Benedito Rodrigues dos
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2009
Sinopse: Decorridos mais de 18 anos desde a aprovação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), ainda são numerosos os obstáculos para o melhor funcionamento dos conselhos dos direitos e tutelares. Oferecer aos conselheiros um diálogo entre a sua prática e a teoria que deve fundamentar o seu cotidiano de trabalho é um dos principais objetivos deste livro, que se constitui em material de consulta para todos os envolvidos na área de defesa dos direitos da criança e do adolescente. A partir da leitura dos cinco capítulos que compõem a coletânea, profissionais de saúde, educação, desenvolvimento social e segurança, entre outros, terão a oportunidade de refletir sobre a sua própria atuação para o enfrentamento das violações de direitos. Os temas discutidos incluem, ainda, o surgimento e a evolução das noções de criança e adolescente; o desenvolvimento de medidas de proteção à população infanto-juvenil; a metodologia do atendimento em rede; e o financiamento das políticas sociais.
8.

Fundamentos da educação escolar do Brasil contemporâneo

(eISBN:9788575416129)
Organizador(es): Lima, Júlio César França; Neves, Lúcia Maria Wanderley
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2006
Sinopse: Nos últimos anos, cresceu o desemprego na população geral (inclusive entre os mais instruídos), ao mesmo tempo em que a melhora da escolaridade acompanhou o aumento de postos de trabalho de baixos salários. Diante desse quadro, como pensar a educação escolar e a formação técnico-profissional numa época em que a educação já não garante um bom emprego? Esta é a questão central da coletânea Fundamentos da Educação Escolar do Brasil Contemporâneo, publicada pela Editora Fiocruz. O livro reúne oito artigos escritos por especialistas de expressão internacional no assunto. Criada em comemoração aos 20 anos da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV) da Fiocruz, a obra pretende atualizar o debate sobre os princípios e diretrizes da educação.
9.

Saúde coletiva: a Abrasco em 35 anos de história

(eISBN:9788575415900)
Organizador(es): Lima, Nísia Trindade; Santana, José Paranaguá de; Paiva, Carlos Henrique Assunção
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2015
Sinopse: Comemorativo dos 35 anos de atuação da Associação Brasileira de Saúde Coletiva, este livro traz 11 capítulos de pesquisadores e estudiosos que fazem parte dessa história. A coletânea privilegia os grandes eixos da política da Abrasco sem deixar de lado as diferentes áreas temáticas em que atuam seus associados. Trata-se de um registro fundamental do caminho trilhado desde o início da sua atuação, num período político bastante complicado no Brasil, até os dias de hoje, quando ainda há tantos desafios a serem vencidos na área da saúde coletiva. A história da Associação é contada também através de ícones: recuperam-se documentos preciosos como fotografias de personagens e de momentos marcantes, além de materiais de divulgação que pontuam a trajetória da Abrasco.
10.

Controle da tuberculose: uma proposta de integração ensino-serviço

(eISBN:9788575415658)
Organizador(es): Procópio, Maria José
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2014
Sinopse: Esta coletânea é especialmente voltada para os profissionais que trabalham na rede do SUS – e pode ser somada a uma proposta de educação a distância. Aborda desde um panorama geral da saúde, no país e no mundo, até os aspectos mais técnicos da tuberculose, como diagnóstico, tratamento e prevenção. Segundo a OMS, o Brasil é um dos 22 países com alta carga de tuberculose e onde o enfrentamento da doença deve ser considerado prioridade. O livro sustenta uma capacitação baseada não só em questões técnicas, mas também em reflexões sobre os determinantes sociais, econômicos e culturais da doença. O objetivo é articular os conteúdos apresentados com a realidade vivenciada pelos profissionais nos serviços de saúde. A 1ª edição é de 1987 e, de lá para cá, o livro já sofreu sucessivas atualizações, envolvendo o Ministério da Saúde, a UFRJ e a Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia, além do Centro de Referência Professor Hélio Fraga (CRPHF), que coordena o trabalho desde o início dos anos 1990. Entre as novidades desta 7ª edição, destacam-se glossário, textos complementares e um projeto gráfico diferenciado para facilitar a leitura e o estudo.
11.

Atenção integrada às doenças prevalentes na infância: implantação e avaliação no Brasil

(eISBN:9788575416044)
Organizador(es): Cunha, Antonio José Ledo Alves da; Benguigui, Yehuda; Silva, Maria Anice Sabóia Fontenele e
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2006
Sinopse: O livro traz uma série de textos de profissionais da área da saúde materno-infantil. Oferece um panorama da atenção integrada às doenças prevalentes na infância, estratégia reconhecida pelo Ministério da Saúde.
12.

Pessoas muito especiais: a construção social do portador de deficiência e a reinvenção da família

(eISBN:9788575416082)
Autor(es): Cavalcante, Fátima Gonçalves
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2003
Sinopse: Buscar histórias de sucesso entre famílias de deficientes mentais, formar uma visão integral do paciente que ultrapasse a doença e confortar os pais que são surpreendidos pelo nascimento de uma criança especial são os objetivos que motivaram a autora a iniciar o desafio de contribuir para inovar a área da saúde, cada vez mais voltada para a questão social. Em uma abordagem transdisciplinar que inclui antropologia, etnografia, psicologia e saúde pública, ela consegue obter uma abordagem integral dos portadores de deficiência, tendo por base a capacidade criativa dos pacientes e de suas famílias no empenho em superar a doença. Mais do que um relato médico, o resultado é uma narrativa comovente, que provoca reflexões sobre a própria vida.
13.

A sociologia do Brasil urbano

(eISBN:9788575415740)
Organizador(es): Lima, Nísia Trindade
Autor(es): Leeds, Anthony; Leeds, Elizabeth
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2015
Sinopse: Em meio às comemorações pelos 450 anos de fundação da cidade do Rio de Janeiro, a Editora Fiocruz traz ao público a segunda edição de um livro que é referência no estudo de habitações populares e favelas no Brasil e na América Latina: A Sociologia do Brasil Urbano, do antropólogo Anthony Leeds e da cientista política Elizabeth Leeds. O original, fruto de uma década de pesquisas, havia sido originalmente publicado em 1978 por iniciativa do antropólogo Gilberto Velho. A nova edição, organizada por Elizabeth Leeds e pela socióloga Nísia Trindade Lima, vem reparar uma ausência: a obra encontrava-se esgotada e, portanto, inacessível às novas gerações de pesquisadores. A Sociologia do Brasil Urbano apresenta análises sobre a estrutura de poder e de classes à luz da história das favelas e dos assentamentos não controlados na América Latina. As favelas do Rio de Janeiro, objeto privilegiado pelo estudo, foram analisadas pelo modo como foram tratadas pelo Estado e como eram desenvolvidas as políticas de habitação.
14.

“Pressão Alta” no cotidiano: representações e experiências

(eISBN:9788575415702)
Autor(es): Canesqui, Ana Maria
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2015
Sinopse: Este livro é o resultado de uma ampla pesquisa socioantropológica sobre as representações populares e as experiências com a hipertensão arterial sistêmica. A autora entrevistou homens e mulheres hipertensos diagnosticados há mais de um ano, com idades entre 50 e 65 anos, clientela de uma unidade de Saúde da Família na cidade de Amparo, no estado de São Paulo. A análise foi sensível às especificidades do modo de vida, das diferenças de gênero, idade e religião, atentando sempre para a maneira como os entrevistados cotidianamente refletem, lidam e atuam diante do adoecimento. O estudo foi realizado por meio de entrevistas conduzidas mediante roteiro, complementadas com observações e extensa investigação de documentos e bibliografia. Análises de conteúdo, das narrativas e estudos de caso foram utilizados. A autora também ouviu os agentes comunitários de saúde, pertencentes à equipe de Saúde da Família do local estudado. Ela descreve as características socioeconômicas, demográficas e educacionais da clientela e desses profissionais, conferindo especial atenção à forma como atendem e se relacionam com os pacientes.
15.

Foundations of Paleoparasitology

(eISBN:9788575415986)
Autor(es): Araújo, Adauto
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Inglês
Ano: 2014
Sinopse: Unprecedented initiative in the world, the book compiles the available knowledge on the subject and presents the state-of-the-art in paleoparasitology – term coined about 30 years ago by Brazilian Fiocruz researcher Luiz Fernando Ferreira, pioneer in this science which is concerned with the study of parasites in the past. Multidisciplinary by essence, paleoparasitology gathers contributions from social scientists, biologists, historians, archaeologists, pharmacists, doctors and many other professionals, either in biomedical or humanities fields. With varied applications such as in evolutionary or migration studies, their results often depend on the association between laboratory findings and cultural remains. The book is divided into four parts - Parasites, Hosts, and Human Environment; Parasites Remains Preserved in Various Materials and Techniques in Microscopy and Molecular Diagnostics; Parasite Findings in Archeological Remains: a paleographic view; and Special Studies and Perspectives. Signed by authors from various countries such as Argentina, USA, Germany and France, the book has chapters devoted to the discoveries of paleoparasitology on all continents.
16.

Processos de alcoolização Indígena no Brasil: perspectivas plurais

(eISBN:9788575415818)
Organizador(es): Souza, Maximiliano Loiola Ponte de
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2013
Sinopse: Quais são os critérios para identificar quando o consumo de bebidas alcoólicas se tornou problemático? Os critérios biomédicos que definem a dependência ao álcool como uma patologia se aplicam a todos os contextos culturais? O uso do álcool é uma questão de contornos complexos, em especial quando se consideram os povos indígenas, entre os quais problemas relacionados ao uso de álcool aparecem como importantes problemas de saúde pública, embora a produção acadêmica nacional sobre o assunto ainda seja relativamente escassa. Como o álcool adquire uma variedade de funções em diferentes grupos sociais, a análise não pode se restringir à ingestão da bebida em si: é preciso relacionar o consumo a processos socioculturais e político-econômicos. É o que defendem os autores desta coletânea, que descreve e analisa as características específicas dos diversos modos de uso de álcool em diferentes povos indígenas brasileiros. Os capítulos trazem relatos teóricos, etnográficos, historiográficos e de intervenções culturalmente orientadas. Buscam superar os enfoques limitados aos aspectos patológicos do consumo de álcool: demonstram que os efeitos da bebida – sejam negativos, sejam positivos – não podem ser dissociados de seus aspectos sociais, econômicos e psicológicos. Essa complexidade aponta para a necessária complementaridade entre as perspectivas da biomedicina e as das ciências sociais, além de ratificar a importância do protagonismo indígena no enfrentamento dos problemas relacionados ao uso de bebidas alcoólicas.
17.

Agente Comunitário de Saúde: o ser, o saber, o fazer

(eISBN:9788575416136)
Autor(es): Silva, Joana Azevedo da; Dalmaso, Ana Sílvia Whitaker
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2002
Sinopse: Analisa as questões relativas ao agente comunitário de saúde, decorrentes da grande disseminação dos Programas de Saúde da Família. Estudando o agente comunitário de saúde que atua no Projeto Qualis/PSF, no município de São Paulo, este livro examina a construção de identidades profissionais e caracteriza o perfil das áreas metropolitanas. Por meio de uma reflexão sobre a identidade dos profissionais dos programas de saúde, os agentes comunitários, e sobre suas dificuldades para viabilizar uma política de reorientação do modelo de assistência à saúde, este livro demonstra sua importância como discussão essencial para sustentar e continuar os Programas de Saúde da Família, buscando recursos disponíveis nas próprias comunidades.
18.

Democracia, federalismo e centralização no Brasil

(eISBN:9788575415665)
Autor(es): Arretche, Marta
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2012
Sinopse: As primeiras avaliações após a Constituição de 1988 foram de que a federação brasileira – União, estados e municípios –, operando de forma descentralizada, fortaleceria a democracia. Passada a euforia inicial, emergiram as críticas, segundo as quais essa descentralização poderia, ao contrário, funcionar como um obstáculo à democracia, pois a autonomia de estados e municípios dificultaria ações unificadas, gerando desequilíbrios entre as unidades constituintes. Neste livro, com base em evidências empíricas de longas séries históricas e informações abrangentes, a autora discorda das duas abordagens anteriores e apresenta uma nova leitura: o sistema federativo brasileiro é bastante centralizado, o que não deve ser confundido com ausência de mecanismos de frear a influência do governo central – apesar da forte presença da União, estados e municípios são atores relevantes na formulação e implementação de políticas públicas.
19.

Meu encontro com os outros: memórias de José de Albuquerque, pioneiro da sexologia no Brasil

(eISBN:9788575415757)
Organizador(es): Carrara, Sérgio; Carvalho, Marcos
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2016
Sinopse: A sexualidade como função fisiológica e o desejo sexual como necessidade orgânica primária. A educação sexual – para homens e mulheres – como estratégia para solucionar não só o problema das doenças venéreas, mas outros como a desarmonia conjugal e as perversões sexuais. A legitimação e institucionalização da andrologia, a ciência do homem. A crítica à abstinência sexual socialmente imposta às mulheres solteiras e viúvas. Essas eram algumas das ideias defendidas pelo autoproclamado sexólogo e andrologista brasileiro José de Albuquerque, médico que, embora tenha enfrentado tabus, levantado polêmicas e causado rebuliço na elite carioca nos anos 1930, ficou esquecido ao longo das décadas seguintes. Mas agora esse importante personagem da história da sexualidade no Brasil volta à cena com a publicação de sua autobiografia até então inédita. “Enfim, para além das peripécias de uma vida bastante agitada e de uma singular trajetória profissional, a autobiografia desvela aspectos interessantíssimos do desenvolvimento das ciências médicas no Rio de Janeiro do entreguerras. Nela, aparecem seus principais personagens, a vida em suas escolas e o universo de sua prática”, afirmam os organizadores. “Sua leitura na segunda década dos anos 2000 permite colocar em uma nova perspectiva a própria história da sexualidade no Brasil, um campo que hoje, como nos anos 1930, continua tensionado por inúmeros dilemas, conflitos e impasses”.
20.

O louco, a rua, a comunidade: as relações da cidade com a loucura em situação de rua

(eISBN:9788575415771)
Autor(es): Pagot, Angela Maria
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2012
Sinopse: Os ‘loucos’ em situação de rua não escolheram viver nessa condição. Não estão vinculados a Centros de Atenção Psicossocial (Caps), a Unidades Básicas de Saúde (UBS) nem às Equipes de Saúde da Família (ESF). Não se conhece a história de vida desses indivíduos. E o único vínculo que eles mantêm é com a população do bairro por onde vagueiam. Os moradores do bairro, então, mesmo sem se darem conta disso, adquirem um saber sobre aqueles ‘loucos’. Investigar os ‘olhares’ desses moradores, para compreender o que pensem, sentem, dizem e fazem em relação aos ‘loucos’, é o objetivo do livro. Neste estudo, embasado na teoria das representações sociais, a autora defende que, apesar das dificuldades e até dos preconceitos, os moradores do bairro têm potencial para atuarem como agentes de saúde mental. “Pois enquanto o ‘louco’ permanecer na rua pertencerá não apenas ao Estado, mas também às pessoas do bairro onde se encontra”, destaca.
Resultados 1 - 20 de 275