SciELO Livros

Editora FIOCRUZ

 

Urgências e emergências em saúde: perspectivas de profissionais e usuários

Synopsis

A obra pretende desvendar o que seja uma urgência ou uma emergência em saúde a partir de duas perspectivas: a dos usuários e a dos profissionais da rede pública. A autora mostra um universo dinâmico e complexo a partir de um trabalho antropológico realizado na Faculdade de Medicina de Marília, em São Paulo. São decisões médicas, muitas vezes de suma importância para a manutenção da vida, muitas vezes questionáveis sob o ponto de vista ético. Cabe lembrar que o livro não só trabalha com a dicotomia médico/paciente, mostrando para o leitor outros atores envolvidos no trabalho na emergência e revelando que muitas vezes as ações médicas são antecedidas por pequenos passos e atitudes peculiares de significativa importância que não podem ser desconsiderados, como a de um motorista de ambulância ou o porteiro do hospital.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales Preview PDF
Apresentação Preview PDF
1 - Definições de urgência e emergência: critérios e limitações Preview PDF
2 - Método, locais e caminhos da pesquisa Preview PDF
3 - Etnografia da triagem Preview PDF
4 - “Tem fratura exposta? Artéria babando?”: a perspectiva dos profissionais da saúde Preview PDF
5 - “Pode esperar? Dá para agüentar?”: a perspectiva dos seguranças, porteiros e recepcionistas Preview PDF
6 - “Será que E? será que não E ?”: a perspectiva dos atendentes Preview PDF
7 - “Agora não tem mais condições, eu não agüento mais!”: a perspectiva dos usuários Preview PDF
Considerações finais Preview PDF
Referências bibliográficas Preview PDF
Anexo Preview PDF
Creative Commons License All the contents of this work, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution-Non Commercial-ShareAlike 3.0 Unported.