SciELO Livros

Editora FIOCRUZ

 

Por uma filosofia empírica da atenção à saúde: olhares sobre o campo biomédico

Synopsis

As metodologias qualitativas, largamente usadas pelas ciências sociais, podem contribuir para a compreensão de aspectos singulares e subjetivos da atenção à saúde e da biomedicina. O volume em questão reúne contribuições de um grupo da pós-graduação em saúde coletiva do Instituto de Medicina Social (IMS) da Uerj que defende essa abordagem para a pesquisa em atenção à saúde. “A possibilidade de aprendizado com antigos saberes médicos,... como proposta de uma revitalização paradigmática, surge de forma instigante e provocadora, suscitando novas reflexões e debates”. Nesse contexto, o livro apresenta: trabalhos de cunho etnográfico - investigações no processo de ensino-aprendizagem na acupuntura -, por meio da observação de aulas teóricas e práticas; experiências dos residentes de medicina na atenção às complexas necessidades das pessoas vivendo com HIV/Aids; a relação dos médicos com pacientes que sofrem de sintomas indefinidos; e o cotidiano de uma família que cuida de um parente com múltiplas necessidades, após sua alta hospitalar, entre outras perspectivas da atenção à saúde sob um outro olhar.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales
Apresentação
1. A Filosofia Empírica da Saúde
2. Do Humano ao Número: idéias, marcas e coisas na redefinição da toxoplasmose
3. Caminhos da Biomedicina: vivências dos protocolos e evidências da clínica
4. A Translação do Olhar: da biomedicina à acupuntura
5. HIV/Aids e os Médicos em Formação: aprendendo a cuidar de vírus ou pessoas?
6. Negociações Ritualizadas da Prática Obstétrica: exemplos do encontro do saber com o sofrimento
7. Quando a Lesão Não Aparece: como médicos lidam com sofredores de sintomas indefinidos
8. Tecendo a Rede de Proteção após a Queda: o cuidado depois da alta
9. Crônica do Sofrimento na Vida Cotidiana: dois relatos sobre crianças com fibrose cística
10. Um Olhar Sobre os Olhares