SciELO Livros

EDUFBA

 

Corujebó: Candomblé e Polícia de Costumes (1938-1976)

Synopsis

Este livro é sobre a perseguição aos candomblés e o controle exercido sobre as manifestações de origem africana na cidade de Salvador através da Delegacia de Jogos e Costumes entre os anos de 1938 a 1976. Trata-se de pesquisa histórica documental realizada realizada nos arquivos da polícia baiana, nos livros de ocorrências e livro de queixas. Entre asocorrências encontramos apreensões de instrumentos a pessoas pegas de sobressalto colocando oferendas. Dentre as queixas, destaca-se ao lado do barulho, os feitiços chamados de bozó. O acesso às fontes pesquisadas por Vilson Caetano de Sousa Júnior representa uma contribuição de inestimável valor aos estudiosos da presença afro-brasileira e de suas marcas indeléveis em nossa cultura, em nosso modo de ser e, por meio dos difíceis caminhos trilhados por sua preservação.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales
Apresentação
Introdução
A delegacia, os Jogos e os Costumes
A margem da Jogos e Costumes
Das ocorrências…
Das queixas, entre atabaques e bozós…
Procurando gente que a gente esqueceu
A fala do silêncio das fontes
Referências
Apêndice A – Levantamento nos Livros de Notificações da Delegacia de Jogos e Costumes no período de 1938 a 1976
Apendice B – Levantamento das queixas da delegacia de jogos e costumes do período de 1938 a 1976 no Arquivo Público do Estado da Bahia
Anexo A – Documentos