SciELO Livros

Editora FIOCRUZ

 

A ciência como profissão: médicos, bacharéis e cientistas no Brasil (1895-1935)

Synopsis

O livro aborda o processo de especialização da atividade intelectual no Brasil durante as três primeiras décadas do século XIX, ao mesmo tempo em que analisa a emergência do ´cientista´ nesse processo, no qual já se anunciava o divórcio entre as ´humanidades´e as ´ciências duras´.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales
Prefácio
Apresentação
1. Os Intelectuais: história e polêmicas
2. A Sociedade Culta da Capital Federal
3. Entreato: os expoentes da cultura literária
4. A Generalidade em Crise
5. Uma Multidão de Idéias Novas
6. A Crítica da Razão Pomposa
7. Academias e Sociabilidades
Conclusão
Referências Bibliográficas
Índice Onomástico