SciELO Livros

Editora FIOCRUZ

 

Entre o Brasil e os Estados Unidos: intelectuais, ideias e projetos de educação (1927-1935)

Synopsis

Vencedora do prêmio Capes de melhor tese de história de 2017, Ana Rocha traz, agora em livro, a trajetória de quatro educadores brasileiros – Noemy Rudolfer, Isaías Alves, Lourenço Filho e Anísio Teixeira – entre as décadas de 1920 e 1930, tendo como ponto principal as viagens que realizaram ao Teachers College, na Universidade de Columbia, em Nova York. A partir desses deslocamentos institucionais, mas também culturais, econômicos e políticos, cada intelectual desenvolveu um papel importante na educação brasileira: Anísio Teixeira e Lourenço Filho articularam um projeto nacional de formação de professores; Noemy Rudolfer e Isaías Alves trabalharam em serviços ligados à psicologia, com testes de inteligência, trazendo a psicologia educacional para o debate brasileiro. Essas diferentes atuações sinalizaram uma busca por um discurso científico que estivesse alinhado com o projeto de modernidade pelo qual passava o Brasil na década de 1930, época em que o país ainda lutava contra o alto grau de analfabetismo de sua população. Mais do que uma troca de ideias entre países, esses intelectuais representam um quadro de problemas e soluções da educação no Brasil, iniciadas no século XX, e que até hoje constituem um grande desafio para o sistema educacional brasileiro.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales
Prefácio
As viagens, os intelectuais e o quebra-cabeça
Capítulo 1 - Os intercâmbios intelectuais em perspectiva: relações internacionais e educação no Brasil
Capítulo 2 - Contexto e conteúdo: o Teachers College de Columbia e o debate educacional norte-americano
Capítulo 3 - As ideias e o sistema: conhecendo os Estados Unidos a partir do Teachers College
Capítulo 4 - Os usos da psicologia escolar em São Paulo e no Rio de Janeiro: as interpretações de Noemy Rudolfer e Isaías Alves
Capítulo 5 - Duas dimensões da “renovação educacional”: o trabalho de Anísio Teixeira e Lourenço Filho no Distrito Federal
Considerações finais
Referências
Anexos