SciELO Livros

EDUFBA

 

Ser-Tão Baiano: o lugar da sertanidade na configuração da identidade Baiana

Synopsis

Nesta obra, a autora investiga o conceito de baianidade, centrado na cidade de Salvador e em seu Recôncavo. Problematiza a visão da “cultura baiana” amplamente divulgada, inclusive pelas agências de políticas culturais do estado. Compreende a ideia de sertão e os possíveis motivos para a negação de uma tradição sertaneja na Bahia. Tem a obra de Jorge Amado como referência para a construção da ideia de baianidade, o autor Gilberto Freyre como referência da nordestinidade e, por fim, o trabalho de Eurico Alves como principal discurso de afirmação da sertanidade.