SciELO Livros

Editora FIOCRUZ

 

Direitos e ajuda humanitária: perspectivas sobre família, gênero e saúde

Synopsis

Dirigida a todos que se interessam pela interface entre ciências sociais e direitos humanos, porque nela pesquisam ou atuam, a coletânea apresenta uma série de estudos, a maioria de cunho etnográfico, sobre práticas sociais que articulam os discursos de direitos e os valores da ajuda humanitária. Aborda problemas sociais, como pobreza e discriminação, e novas formas de intervenção sobre eles, provenientes da ação estatal, jurídica, de ajuda humanitária ou de organizações da sociedade civil.

Table of Contents

Front Matter / Elementos Pré-textuais / Páginas Iniciales
Apresentação
1 - O Humanitário no Brasil: entre o ideal universal e a cultura local
2 - A Responsabilidade na Intervenção Humanitária: indiferença ou engajamento?
3 - Políticas de ‘Vitimização’ e Direitos Sociais Seletivos
4 - Práticas de Justiça e Gramática Espacial: olhando para o espaço em instituições de proteção à infância
5 - Saúde e Direitos Humanos: algumas reflexões
6 - A 'Judicialização do Amor': sentidos e paradoxos de uma Justiça 'engajada'
7 - 'Ordem e Progresso' à Brasileira: lei, ciência e gente na ‘co-produção’ de novas moralidades familiares
8 - Organizações da Sociedade Civil: percepção e ação - Redeccap e os jovens do Complexo de Manguinhos
9 - Alianças Invisíveis, Identidades Visíveis, Direitos e Negociação Cotidiana através do Discurso LGBT nos Serviços de Saúde
10 - Passionalidade, Patologia e Vingança: um estudo sobre mulheres, crimes e acesso à Justiça (1890-1940)